home LP, MÚSICA Mário Laginha e Pedro Burmester – Theatro Circo, 31/03/2019

Mário Laginha e Pedro Burmester – Theatro Circo, 31/03/2019

O encerramento da terceira Semana do Piano de Braga foi protagonizado por dois amigos de longa data, que partilham palcos e estúdios há mais de duas décadas: Mário Laginha e Pedro Burmester.
Jazz e música clássica são tidos como antagónicos, com desvantagem para o Jazz, visto como estilo menor, embora alguns grandes pianistas do jazz tenham formação clássica, como Keith Jarrett ou Brad Mehldau. Contudo esses rótulos tornam-se irrelevantes perante os desempenhos a que tivemos a sorte de assistir. Apesar de alguns problemas com a afinação do piano de Pedro Burmester (praticamente imperceptíveis ao ouvido comum, mas que implicaram a entrada dos técnicos por três vezes), o recital foi imaculado, com os dois músicos em topo de forma.

O alinhamento ecléctico trazia uma composição original de Mário Laginha, que interpretou com espantosa entrega e desempenho, a que se seguiu uma experiência interessante e reveladora. Cada um dos pianistas tocou a mesma composição – uma Balada de Chopin – ao seu estilo, permitindo assim o confronto de toadas e ritmos de modo mais óbvio, destacando as variações estéticas que caracterizam cada musicalidade, sem desvirtuar a melodia que lhe subjaz. Um momento de grande beleza, em que ambos os pianistas estiveram à altura do desafio. Seguiu-se um clássico de Debussy, majestoso, e fechamos com a fabulosa “La Valse” de Ravel, já gravada em estúdio por ambos no longínquo ano de 1994.

Seguiu-se um triplo encore, com o público sem arredar pé, aplaudindo entusiasta a cada pausa.

A noite terminou em beleza, com a presença da música brasileira em todo o seu esplendor, com a bela “Rosa” de Pixinguinha a embrulhar-nos num abraço apertado de despedida. Um privilégio gigante ouvir estes Senhores. Obrigado ao Theatro Circo.

Alinhamento:

Astor Piazzolla – Grande Tango
Mário Laginha – Concerto para dois pianos nr. 1
……………………………. Allegro mas nem Sempre
……………………………. Quase sempre Andante
……………………………. Sempre Presto
Frédéric Chopin/Laginha – Balada nr.1 op.23 (Mário Laginha solo)
Frédéric Chopin – Balada nr.1 op.23 (Pedro Burmester solo)
Claude Debussy – Prelude a l’aprés midi d’un faune
Maurice Ravel – La Valse

Mais textos sobre Música AQUI.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *