Youn Sun Nah e Ambrose Akinmusire Quartet (Outono em Jazz) – Casa da Música (23/10/2018)

Num mundo marcado pelo fluxo e constante exposição a imagens, que se apresentam num scroll infinito, ou músicas das quais se escutam meros segundos para que se possa passar à seguinte e ainda a outra. Talvez seja hora de desacelerar a nossa fome voraz pelo imediato e passar à contemplação da obra artística, com tudo o que esta nos exige.

Salvador Sobral com datas extra no Porto e Lisboa

Salvador Sobral, o fenómeno do 13 de Maio mais incomum do último século, esgotou facilmente as datas que tinha previsto para os concertos no Porto e Lisboa. Perante a procura massiva pela sua música, depois do triunfo inédito no Festival da Eurovisão, haverá datas adicionais para confirmar in loco, no Porto e em Lisboa, o …

Brad Mehldau Trio – Casa da Música, 25/02/2017

Cada concerto do pianista Brad Mehldau é uma experiência única. Desta vez, com a Casa da Música (novamente) cheia, suspensa em cada nota, a opção de Mehldau e do seu trio (Larry Grenadier no contrabaixo e Jeff Ballard na bateria), foi para um formato similar ao recital. Do alinhamento de nove temas, dois terços foram …

Arcadi Volodos na Casa da Música

Um dos pianistas mais virtuosos da sua geração, Arcadi Volodos é já presença habitual na temporada da Casa da Música. Desta feita, de regresso ao Ciclo de Piano da Casa da Música, trará obras de Schumann, Schubert e Brahams, numa noite de gala que se antecipa imperdível. O recital está marcado para 7 de Fevereiro na …

Trio de Mehldau na Casa da Música em 2017

O retorno do génio do jazz à Casa da Música está marcado para 25 de Fevereiro de 2017.Traz consigo os companheiros de viagens sónicas Larry Grenadier (contrabaixo) e Jeff Ballard (bateria). Dono de uma carreira iniciada no já longínquo ano de 1995, com Introducing Brad Mehldau (Warner), mais de duas décadas volvidas o seu estilo inconfundível consolidou-se, …

Saudade de Mallu – Casa da Música 7/12/2016

O regresso de Mallu Magalhães à Casa da Música não primou pelas surpresas e nada poderia ser mais reconfortante. A Invicta recebeu-a como sempre faz, a empatia de concertos anteriores replicada e multiplicada. A brasileira de sorriso doce, quase emocionada, desdobrou-se múltiplas vezes em agradecimentos sentidos, quase incrédula com a multidão diante de si, “leda …